sexta-feira, 11 de setembro de 2009

O Racismo não Existe

Esses dias atrás tive o desprazer de assistir a um telejornal da Rede Record. Foi durante a semana, no meu horário de almoço. Prometi a mim mesmo nunca mais fazer isso. Vi uma reportagem que me deixou mais que triste com a vertente alienante do telejornalismo brasileiro. A reportagem em questão dava conta de uma onda de crimes praticados sobre pessoas de origem asiática que habitam um bairro de São Paulo. Quando a questão é o racismo, e em especial o racismo velado praticado no Brasil, tenho umas opiniões que para alguns são extremas, ou até radicais. Já fui linchado moralmente em sala de aula por defender publicamente o sistema de cotas para negros. Mas, voltando ao assunto, durante a reportagem, ficava evidente a ação das gangues racistas contra uma minoria asiática. Mostraram até um vídeo YouTubizado onde uma dessas gangues cantava refrões de desprezo aos “chinas”, com armas em punho. Quando eu esperava que houvesse um esclarecimento a respeito do problema do racismo naquele episódio, a reportagem se voltou completamente para o lado oposto, dando conta de que os orientais são responsáveis por essa situação por guardarem dinheiro em casa e muitas vezes estarem com documentação de imigração irregular. O que falta para ser racismo, então? Capuzes brancos e pontudos?

Mas é claro que não! Como eu fui ingênuo! O que os marginais se perguntam na hora de escolher o seu nicho de atuação é justamente quanto dinheiro as pessoas guardam em casa! Como não percebi antes? Ora, convenhamos! Ainda bem que vivemos num país com chances iguais para todos (não me perguntem quantos negros há no meu local de trabalho), e onde todos são miscigenados com todos! Graças a Deus aqui na nossa terra os salários dos homens são iguais aos das mulheres, e não há acepção de raça, cor, sexo ou religião! Aleluia Sr. Edir Macedo, eu morava num país igualitário e não sabia...

(Ps.: Se os marginais não sabiam que imigrantes asiáticos guardavam $$$ em casa, agora sabem.)

(Ps.²: Para saber mais sobre o excelente jornalismo que relatei, acesse os links abaixo, e divirta-se...)

Reportagem da Rave: http://www.youtube.com/watch?v=XShhukmoMFA

Música do "coreano": http://www.youtube.com/watch?v=7E1QFIRyqsk